14 de fevereiro

MANHà                                                                                                          

8h45 – Abertura oficial 

  – Prof. Dr. Márcio Alves da Fonseca –  Pró-Reitor da Pós-Graduação da PUC-SP

  – Presidente da Academia Brasileira de Letras – Merval Pereira

  – Governador do Amazonas – Wilson Lima

  – Secretária de Cultura de São Paulo – Aline Torres

  – Secretário de Estado da Cultura do Amazonas – Marcos Apolo Muniz

  – Presidente da Secretaria Municipal de Cultura – Alonso Oliveira

  – Profa. Dra. Lígia Cortez - Diretora artístico-pedagógica do Célia Helena Centro de Artes e Educação

  – Profa. Dra. Ângela Cavenaghi Lessa – Diretora da Faculdade de Filosofia, Comunicação,

     Artes e Letras da PUC-SP

  – Profa. Dra. Diana Navas – Coordenadora do Programa de Literatura e Crítica Literária da PUC-SP

9h30 – Apresentação artística   

O Guarani, de Carlos Gomes, piano, por Nikolas Bueno.

9h45 – Conferência de abertura

 “A Estagnação do tempo no século 21”

– Palestrante: Prof. Dr. Luiz Felipe Pondé (PUC-SP)

– Mediadora: Profa. Dra. Vera Bastazin (PUC-SP)

10h30 – Interlúdio artístico 

– Anita Malfatti – Carta Resposta, Paranoia ou Mistificação (Fragmento de processo de espetáculo teatral). Dramaturgia e interpretação: Ângela Ribeiro. Direção: Vanessa Bruno.  Direção de fotografia e edição Sol Faganello. Assistência de direção: Luiz Felipe Bianchini. Captação de som: Eric Vasconcelos. Apoio Eco Teatral. Realização VULCÃO [criação e pesquisa cênica].​​

10h50 – “A Semana de Arte Moderna – As vanguardas e o projeto modernista de renovação da cultura brasileira”

– Debatedor 1: Prof. Dr. Ivan Marques (USP) 

– Debatedora 2: Profa. Dra. Flávia Toni (USP)

– Mediador: Editor Tenório Telles (PUC-SP)

12h05 – Interlúdio artístico

Akaiá (Performance audiovisual em dança). Criação, roteiro e performance: Íris Campos, Iara Campos e Ewe Lima.

12h30 – 14 h: Intervalo / almoço

 

TARDE                                                                                                             

14h – Apresentação artística  

Grande Fantasia Triunfal sobre o Hino Nacional Brasileiro, de Louis Moreau Gottschalk, piano, por Níkolas Bueno.

14h10 – Apresentação artística

Um entrevero de poético. Interpretação e direção: Dinho Lima Flor e Rodrigo Mercadante. (ao vivo)

14h25 – “Narrativa contemporânea – dissonâncias e aproximações com o romance modernista”

– Debatedor 1: Prof. Dr. Karl Erik Schøllhammer (PUC-RJ)

– Debatedor 2: Prof. Dr. João de Jesus Paes Loureiro (UFPA)

– Mediadora: Profa. Dra. Diana Navas (PUC-SP)

15h55 – 16h – Intervalo

 

16h – Interlúdio artístico

– as boca sem ésse das língua ferina (Poesia Palavra Falada - Slam). Texto e interpretação: Beto Bellinati. (ao vivo)

16h10 – Vivência da palavra “Literatura e fé – A presença do sacro no ciclo modernista”

– Debatedor 1: Prof. Dr. Leandro Garcia Rodrigues (UFMG)

– Debatedor 2: Prof. Dr. Alex Villas Boas (PUC-PR)

– Debatedora 3: Profa. Dra. Maria Clara Bingeme (PUC-RJ)

– Mediador: Prof. Dr.  Lindoberg da Silva Campos (PUC-RJ)

Valse de l’adieu ou Valsa em lá bemol maior Opus 69 No.1, de Frédéric Chopin, piano, por Níkolas Bueno.

 

17h30 – Exposição virtual

- A fundação do Digitalismo, por Cristiano Chaussard

17h50 – Encerramento